Febre da selva



Começou mais uma temporada do BBB, o Big Brother Brasil, e o mundo enlouqueceu. Minha timeline no Twitter só fala disso, meus amigos comentam a todo o instante e as notícias sobre a “casa mais vigiada do Brasil que não é a casa de algum famoso traficante” dominam TODOS os sites. Velho, só digo que eu não vou comentar BBB. Não que me faça de politizado, cult, aqueles “odeio cultura de massa” e coisa e tal, nada contra, acho ótchymo. Mas pra que assistir BBB se o mundo tem um reality show chamado Survivor?



Borneo, season one


É, cara. Aquele programete norte-americano que deu origem ao infame No limite mesmo. Não sei como ainda não comentei por aqui, mas Survivor é um dos melhores programas EVER da TV. Assim, de todos os tempos, de todas as emissoras. O programa, no ar desde 2000, já teve 21 temporadas. Ok? VINTE E UMA. Survivor já rodou o mundo e foi para a China, para a Austrália, para a África e até para o nosso Brasil varonil (duas vezes – na sexta temporada, Amazon, e na décima oitava, Tocantins – The brazilian highlands). Eles ainda fazem umas edições geniais do tipo All stars, com os favoritos de várias temporadas; Fans Vs. Favorites, explícito no nome e Heroes Vs. Villains, com a eterna luta, magra e de bandana, bem X mal. Como funciona o jogo e por que ele é melhor do que tudo na vida (menos sexo, pizza e mijar quando se está apertado)? Vamos lá.



Tocantins, temporada 18



Micronesia – Fans Vs. Favorites, 16ª temporada



Heroes Vs. Villains, 20ª temporada



Samoa, 19ª temporada


Tal e qual o BBB, Survivor se aperfeiçoou durante os anos. O esquema básico, porém, ainda é o mesmo. Chegam tantos participantes numa ilha/numa selva/num buraco, para passarem 39 dias (não) comendo o pão que o capeta amassou com o pé. Essa turma do barulho é divida em tribos (duas, quatro… depende da temporada). Bem, bottom line: a galera é jogada na vala sem comida, sem fogo, sem água, sem dignidade, sem lenço, sem documento. As tribos competem em desafios de recompensa, que vão de kits para pesca a passeios paradisíacos, e por imunidade. No conselho tribal, os perdedores do desafio de imunidade da semana eliminam um participante naquele esquema secreto, tipo toalete, com papel e cabine (“Eu voto na fulana porque PAYBACK IS A BITCH!“). As tribos vão mirrando e em determinado ponto elas se juntam: é a hora da merge. Aí que o negócio esquenta. Na tribo desses remanescentes, os eliminados viram um júri. Isso mesmo. Survivor não tem participação do público de fora (TE AMO, LÁ FORA), só de seus participantes. Esse é o grande catch do negócio. Ou seja, assim como na vida, tudo o que você fez vai voltar. Todos aqueles que você ajudou a eliminar, direta ou indiretamente, vão julgar, caso você seja um finalista, se você merece o prêmio.



Jeff Probst, o Pedro Bial de Survivor


Ó. Tô falando. Dica de amigo. Pode assistir que é batata. Tem muito barraco, tem choro, tem gente doida e a edição é sensacional e extremamente tendenciosa. Não passa em nenhum canal atualmente, mas tá aí na web na mão de quem quiser. Caso não acredite em mim, vai ver The real world (This is the true story of seven strangers…) que também é da hora. Ou Pimp my ride, quem sabe?





Anúncios
Esse post foi publicado em TV e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Febre da selva

  1. Mari Ceratti disse:

    Nunca vi Survivor, mas amo The Real World! Tinha um do Havaí que ferveu mais perto do fim, de tantos barracos que rolaram.

    Beijos!

  2. “The real world” era tipo o melhor do “BBB” e da “Casa dos artistas” juntos! Que tempo booom (que não volta nunca mais/com 60 pra pagaaaar).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s