Em pele de cordeiro

A voz suave arranha. Da garganta potente, a voz de um anjo invade a embalagem rebelde. A suave melancolia inunda nossos ouvidos. Senhoras e senhores, esse é Paul Banks. Vocalista do Interpol, banda nova-iorquina da safra indie dos anos 2000, Paul é facilmente reconhecido pela semelhança de sua voz com a de Ian Curtis (1956-1980), do Joy Division. Agora, o cantor tenta trilhar novos caminhos e lança seu primeiro projeto solo sob o pseudônimo de Julian Plenti.


Julian Foto


Em Julian Plenti is… skyscraper, Paul voa sozinho, mas voa baixo – é impossível separar a sonoridade de cantor da sua banda de origem. Praticamente todos os elementos estão lá, inclusive a participação de Sam Fogarino, baterista do Interpol, que dá as caras em Games for days, o primeiro single do álbum (o clipe da faixa também conta com a fofa Emily Haines, do Metric, em um bico como atriz).





A jogada que parece preguiçosa pode tornar-se genial se analisada por outro prisma. Depois de três discos de sucesso com o grupo, Paul Banks parece pronto para explorar o melhor de si, continuando em sua eterna cruzada pelos escuros caminhos do desalento. Com os pés fincados no rock ‘n’ roll, como não poderia deixar de ser.







JULIAN PLENTI IS… SKYSCRAPER
Julian Plenti (Paul Banks, da banda nova-iorquina Interpol). 11 faixas (37 minutos). Matador Records.
http://www.julianplenti.com
***

Anúncios
Esse post foi publicado em Música e marcado , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s